Dicas

Viajando Barato: Como encontrar o hostel perfeito

abril 21, 2015


encontrar hostel


Hostel é uma ótima alternativa para reduzir os custos de hospedagem e como encontrar o hostel perfeito você confere em mais esse post da série viajando barato.

Depois de definir o seu roteiro de viagem, com os lugares que você mais quer conhecer, você já vai saber em qual região da cidade é mais estratégico para você se hospedar, porque fica perto dos pontos turísticos e de bares e restaurantes, por exemplo.

Com o intuito de dar dicas para que você tenha uma melhor experiência de viagem, além de preço baixo, fiz um guia do que conferir antes de fazer a reserva em um hostel, e no fim do post indico alguns sites para você fazer sua pesquisa.

Como encontrar o hostel perfeito


Localização
Se você e seus amigos gostam de agito e principalmente você que vai viajar sozinho, o fator localização é essencial para que à noite, depois de conhecer os pontos turísticos, você não fique isolado em um hostel que não tem opções de entretenimento ao redor.

É claro que além do agito, e dos pontos turísticos, ter um mercado, padaria, farmácia e bancos por perto conta bastante.

Serviços do Hostel
Na descrição do hostel você vai verificar o que ele pode oferecer durante a hospedagem. Por exemplo, armário onde você pode guardar seus pertences e trancar com cadeado, oferecer café da manhã e WiFi de graça.

Muitos hostels oferecem isso, o que acho essencial, mas existem alguns outros itens que você pode levar em conta como não cobrar pela roupa de cama, ter um restaurante ou lanchonete para não precisar sair do hostel para comer, ter cozinha para preparar sua própria comida, ter piscina, churrasqueira e aluguel de cadeiras e guarda-sol (quando é cidade de praia).

Ter espaço para socialização
Uma das grandes vantagens de optar por um hostel ao invés de um hotel, é que você pode socializar muito mais. Já fiquei em um hostel muito divertido, onde além da sala de TV, tinha um restaurante/bar onde era oferecido o café da manhã, virava restaurante na hora do almoço e bar com música ao vivo à noite. Não era preciso sair do hostel para ter diversão e esses espaços propiciaram até para mim que sou uma garota tímida, conversar e conhecer novas pessoas.

Em contrapartida, também já fiquei em um hostel limpinho, bonitinho, mas que era vazio (poucos quartos, pouca gente) e que a lanchonete não ficava aberta à noite para não fazer barulho para quem quer dormir. O local em que você se hospeda influencia em muito na experiência da viagem. Escolha lugares maiores, com possibilidade de ter mais pessoas e com espaço para socialização.

Avaliação da galera
Confira no próprio site onde fará sua reserva e também no nosso querido TripAdvisor o que outras pessoas acharam de se hospedar lá.
Você verá opiniões de todo o tipo de gente. Às vezes o que uma pessoa acha ruim, você não liga. Mas essa análise é importantíssima para você não escolher um lugar péssimo sem querer, e que muitas outras pessoas já alertaram que era uma roubada.

Preço
Sim, deixa esse por último. Primeiro você filtra por localização, pra não ficar rodando feito barata tonta de um lugar longe a outro. Depois vê o que o hostel tem a oferecer e o que a galera achou dele.
Geralmente não terão preços muito absurdos, porque hostels próximos concorrem entre si e aqui você vai fazer a última filtragem e combinar a melhor experiência, com o melhor preço.

Dica Extra: Pense bem antes de viajar de carro
Essa aqui é uma dica extra para quem quer viajar de carro e eu digo por experiência própria. Quando me hospedei nos hostels na minha viagem à Santa Catarina, eu tinha viajado de avião até Floripa e lá aluguei um carro, porque queria conhecer praias de todos os cantos e ainda dar um pulo na cidade de Bombinhas. Em ambos os hostels que fiquei, diziam na descrição que tinham um estacionamento.

Mas em um o estacionamento era o acostamento (onde o carro foi arrombado) e no outro era simplesmente uma vaga demarcada na rua. E nesse a mulher ainda implicou comigo que era realmente um estacionamento, sendo que está ali sem segurança, com pessoas passando na rua, sem cobertura, exposto a qualquer tipo de coisa, como ficou lá no acostamento da rodovia no outro hostel.

Normalmente quem se hospeda em hostel vai de ônibus, táxi ou carona. Mas se você também tem a ideia de alugar ou ir com seu próprio carro para ter liberdade de ir para lugares distantes uns dos outros, pesquise bem se tem um estacionamento seguro de verdade. Se quiser saber mais detalhes dessa avaliação que fiz, acesse aqui o hostel de Floripa e aqui o hostel de Bombinhas.

Onde encontrar o hostel perfeito


Quer pesquisar um hostel? Você pode dar uma olhada no Booking.comHostelling International, HostelWorld ou HostelBookers. Sempre pesquise o mesmo hostel em vários sites, para dar uma olhada nas diferentes avaliações e nos preços que podem variar. Quando decidir pelo hostel, ainda assim envie um e-mail direto para a reserva do próprio site do hostel para conferir o preço das diárias. Então você faz a reserva no lugar em que a diária estiver mais em conta.

Às vezes o hostel tem vários quartos e distribui as vagas pelos sites de reserva, para não acontecer de várias pessoas escolherem o mesmo quarto e esgotarem as camas. Então se o melhor quarto de um hostel estiver esgotado, dê uma olhada em outros sites para ver se está disponível neles.


Hostels são baratos justamente porque oferecem quartos e banheiros compartilhados, mas também têm a opção de quarto privativo com cama de casal e muitos deles com o banheiro privativo também. Vale a pena ficar neles se você quer uma experiência parecida com um hotel, só que pagando mais barato.

Mas o meu grande conselho é que aproveite os locais compartilhados para fazer novos amigos, trocar experiências e até conhecer gente de outro país. Se está viajando sozinho, é perfeito para arrumar companhia para alguns passeios e se está viajando em grupo, não se feche e some mais pessoas à sua vida.

Já ficou em hostel ou tem vontade de se hospedar pela primeira vez? Eu recomendo muito a experiência. Mas se você está apenas procurando uma maneira de reduzir os custos de hospedagem, você pode conferir aqui no blog outra forma de hospedagem barata e hospedagem gratuita ou então como você pode trabalhar em troca de hospedagem.

Me acompanhe nas redes sociais:

Veja também:

1 comentários

  1. Que dica mara, vou tentar encontrar um hostel do meu agrado.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! =)

Se inscreva no Canal