Viajando Barato: Como encontrar o hostel perfeito

By Tati Bertucci - abril 21, 2015


encontrar hostel




Hostel é uma ótima alternativa para reduzir os custos de hospedagem, e neste post da série viajando barato, eu te conto o que você precisa considerar antes de fazer a sua reserva e onde encontrar os melhores hostels.


Como encontrar o hostel perfeito


→ Localização

Depois de definir o seu roteiro de viagem, com os lugares que você mais quer conhecer, você já vai saber em qual região da cidade é mais estratégico para você se hospedar, porque fica perto dos pontos turísticos e de bares e restaurantes, por exemplo.

Se você e seus amigos gostam de agito e, principalmente, você que vai viajar sozinho, o fator localização é essencial para que à noite, depois de conhecer os pontos turísticos, você não fique isolado num hostel que não tem opções de entretenimento ao redor.

É claro que além do agito, e dos pontos turísticos, ter um mercado, padaria, farmácia e bancos por perto conta bastante.

→ Serviços do Hostel

Na descrição do hostel você vai verificar o que ele pode oferecer durante a hospedagem. Por exemplo, armário onde você pode guardar seus pertences e trancar com cadeado, café da manhã e WiFi de graça.

Muitos hostels oferecem isso, o que acho essencial, mas existem alguns outros itens que você pode levar em conta como não cobrar pela roupa de cama, ter um restaurante ou lanchonete para não precisar sair do hostel para comer, ter cozinha para preparar sua própria comida, ter piscina, churrasqueira e aluguel de cadeiras e guarda-sol (quando é cidade de praia).

→ Espaço para socializar

Uma das grandes vantagens de optar por um hostel ao invés de um hotel, é que você pode socializar muito mais. Já fiquei num hostel muito divertido, onde além da sala de TV, tinha um restaurante/bar onde era oferecido o café da manhã, virava restaurante na hora do almoço e bar com música ao vivo à noite.

Não era preciso sair do hostel para ter diversão e esses espaços facilitaram, até pra mim que sou tímida, conversar e conhecer novas pessoas.

Em contrapartida, também já fiquei num hostel limpinho, bonitinho, mas que era vazio (poucos quartos, pouca gente) e que a lanchonete não ficava aberta à noite para não fazer barulho para quem quer dormir.

O local em que você se hospeda influencia em muito na experiência da viagem. Escolha lugares maiores, com possibilidade de ter mais pessoas e com espaço para socialização.

O meu grande conselho é que aproveite os locais compartilhados para fazer novos amigos, trocar experiências e até conhecer gente de outro país. Se está viajando sozinho, é perfeito para arrumar companhia para alguns passeios e se está viajando em grupo, não se feche e some mais pessoas à sua vida.

→ Avaliação da Galera

O site que eu uso para reservar hostels é o Booking, porque ele é fácil de usar, tem inúmeras opções de hospedagens cadastradas e mostra a avaliação de cada hóspede que ficou naquele lugar.

Você verá opiniões de todo o tipo de gente. Às vezes o que uma pessoa acha ruim, você não liga. Mas essa análise é importantíssima para você não escolher um lugar péssimo sem querer, e que muitas outras pessoas já alertaram que era uma roubada.

Por isso, também é importante que você também deixe a sua avaliação do local ao final da hospedagem, pra que possa ajudar outras pessoas.

Depois que sua hospedagem chega ao fim, o Booking te envia um e-mail pedindo a sua avaliação já com o link para avaliar, assim fica fácil de você não esquecer.

Esse site também reúne outros tipos de hospedagens, além dos hostels, como hotéis, pousadas, resorts e outras. Use a caixa de busca abaixo para reservar a sua hospedagem:

Booking.com

→ Preço

Geralmente, hostels próximos concorrem entre si, por isso podem ter preços semelhantes. Então você pode ir por dois caminhos, filtrar por menor preço de cara e ficar no hostel mais barato porque "só vai dormir mesmo" ou escolher o hostel perfeito, que vai te dar a experiência incrível, considerando tudo o que falei nesse post.

Eu já fiz as duas coisas, já fiquei no local mais barato, que normalmente não é o mais confortável e já fiquei em lugares incríveis pra me divertir e conhecer gente nova, até para convidá-las pra conhecer a cidade junto.

Tudo depende do que você quer e você pode combinar a melhor experiência, com o preço que cabe no seu bolso. 😉

Outro ponto importante é que hostels geralmente são mais baratos que hotéis justamente porque oferecem quartos e banheiros compartilhados, mas também existe a opção de quarto privativo com cama de casal e muitos deles com o banheiro privativo também.

Vale a pena ficar neles se você quer uma experiência parecida com um hotel, só que pagando mais barato.

Dica Extra: Pense bem antes de viajar de carro

Essa aqui é uma dica extra pra quem quer viajar de carro e eu digo por experiência própria. Quando me hospedei nos hostels na minha viagem à Santa Catarina, eu tinha viajado de avião até Floripa e lá aluguei um carro, porque queria conhecer praias de todos os cantos e ainda dar um pulo na cidade de Bombinhas. Em ambos os hostels que fiquei, na descrição constava que tinham um estacionamento.

Mas em um o estacionamento era o acostamento (onde o carro foi arrombado) e no outro era simplesmente uma vaga demarcada na rua. E nesse a mulher ainda implicou comigo que era realmente um estacionamento, sendo que está ali sem segurança, com pessoas passando na rua, sem cobertura, exposto a qualquer tipo de coisa, como ficou lá no acostamento da rodovia no outro hostel.

Normalmente quem se hospeda em hostel vai de ônibus, táxi ou carona. Mas se você também tem a ideia de alugar ou ir com seu próprio carro pra ter liberdade de ir pra lugares distantes uns dos outros, pesquise bem se tem um estacionamento seguro de verdade. Se quiser saber mais detalhes dessa avaliação que fiz, acesse aqui o hostel de Floripa e aqui o hostel de Bombinhas.


Já ficou em hostel ou tem vontade de se hospedar pela primeira vez? Eu recomendo muito a experiência.

Mas se você está apenas procurando uma maneira de reduzir os custos de hospedagem, você pode conferir aqui no blog outra forma de hospedagem barata e hospedagem gratuita ou então como você pode trabalhar em troca de hospedagem.

Siga o Quero Ir no Bloglovin', assim você receberá uma notificação por e-mail sempre que tiver conteúdo novo por aqui. 😊

Gostou do post e quer retribuir? Saiba como pode me 'pagar um café'.  ☕ 💋

  • Compartilhe:

Veja também:

1 comentários

Obrigada por comentar! =)